EAGB logo

Dicas para poupar eletricidade

Como poupar eletricidade

Os gastos com energia elétrica fazem parte das despesas fixas das famílias. Assim, ao adotar novos hábitos e alterar padrões de consumo estamos a contribuir para reduzir o nosso orçamento mensal. Seguem-se algumas dicas no sentido de gastar menos eletricidade – a bem das nossas finanças/carteiras e do ambiente.

 

1. Desligar luzes desnecessárias.

(Em divisões que não estão a ser usadas ou em corredores, por exemplo).
A redução do consumo de energia pode chegar a 25%.

2. Pintar as paredes com tons claros.

Porque as cores mais claras refletem melhor a luz, reduzindo a necessidade de iluminação artificial.

3. Optar por lâmpadas economizadoras.

Permitem poupar até 80% de energia face às tradicionais lâmpadas incandescentes. Apesar de serem mais caras, consomem seis vezes menos energia, duram oito vezes mais e dão a mesma luz, o que significa que têm uma vida útil superior. Tal permite poupar dinheiro e energia.

4. Os abat-jours mais opacos exigem lâmpadas mais potentes. 

Como tal, convém optar pelos mais transparentes.

5. Evitar deixar eletrodomésticos em stand by.

O equipamento de entretenimento e de informática que fica em modo stand by é responsável por 4,8% dos gastos com a eletricidade. Convém desligar no interruptor os equipamentos eletrónicos que não estão a ser usados.

6. Aproveitar a energia residual dos eletrodomésticos.

Desligar o ferro de engomar um pouco antes de terminar: o calor residual será suficiente para completar a tarefa. O mesmo se aplica ao uso do forno: desligar uns minutos antes do previsto, dado que o calor remanescente é suficiente. Com este simples gesto poupa até 10% de energia.

7. Evitar abrir o forno muitas vezes.

De cada vez que o abre há uma perda energética de pelo menos 20%.

 

8. Optar por recipientes de cerâmica ou de vidro ao cozinhar no forno.

Estes retêm melhor o calor, permitindo reduzir a temperatura do forno e diminuir o consumo de energia.

9. Aquecer comida no microondas em detrimento do forno.

Pode reduzir o consumo de energia em 60 a 70%.

 

10. Não encher os eletrodomésticos com alimentos.

Como é o caso do forno ou do frigorífico, de forma a permitir a livre circulação do ar.

 

11. Reduzir ao máximo o número de vezes que abre o frigorífico.

Por cada vez que o abre por um período de 10 segundos está a aumentar o consumo energético entre 0,2 a 0,8%.

 

12. Regular a temperatura do frigorífico.

A conservação dos alimentos deve variar entre 3º e 5º C (se o termóstato estiver a uma temperatura inferior a 3ºC está a aumentar o consumo desnecessário de energia).

 

13. O frigorífico deve estar num local fresco e ventilado.

Evitar colocá-lo perto de fontes de calor como janelas com muita exposição solar ou mesmo perto do fogão. E se, no congelador, tirar a camada de gelo antes de esta atingir 3 mm de espessura obtém uma poupança de 30% de energia.

 

14. Preferir eletrodomésticos com classe energética A+, A++ ou A+++.

Estes  utilizam menos energia que os equipamentos com classe energética inferior.

15. Ao cozinhar no fogão, quanto mais pequenos forem os pedaços dos alimentos, mais rápido será a confeção.

Sempre que possível tapar os tachos e as panelas, pois evita o desperdício de energia. Escolher o bico do fogão adequado ao tamanho do utensílio: uma chama demasiado grande/forte desperdiça energia.

 

16. As panelas de pressão aceleram a confeção dos alimentos.

Tal permite uma poupança energética que pode ir até 15%.

 

17. As máquinas de lavar loiça e roupa devem funcionar com a carga máxima, poupando água e energia.

Sempre que possível, devem trabalhar num programa económico e de baixas temperaturas. Ao reduzir a temperatura de lavagem pode economizar até 46% do consumo.

 

18. A regulação da temperatura num aparelho de ar condicionado é fundamental para garantir que a fatura da eletricidade não dispara.

Basta reduzir a intensidade em 1ºC para poupar 10%.

 

19. Não deixar o telemóvel a carregar durante a noite.

Desligar o carregador da tomada assim que o aparelho esteja carregado, caso contrário continua a gastar energia, e a aumentar a fatura ao final do mês.

 

Cada pequeno gesto conta para poupar energia
e reduzir os gastos com a mesma.

A nossa contribuição para
a população guineense

Saber mais

Fale connosco e conheça
os nossos serviços

Saber mais

EAGB - Eletricidade e Águas
da Guiné-Bissau
Rua Eduardo Mondlane
Bissau, Guiné-Bissau

Precisa de ajuda?

Telef.: +245 956 51 30 30
Email: info@eagb-gb.com

 Copyright 2020 EAGB. Todos os direitos reservados

Desenvolvido por LBC